segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Os meus filmes # 1 - Lost in Translation



Já há uns tempos que andava a precisar de o rever. Ontem foi o dia. Faz-me bem vê-lo de vez em quando. Sei quase todas as falas de cor. Não me esqueço do - for relaxing times, make it Suntory time - e da cara sempre tão expressiva do Bill Murray. Choro quando a Charlotte chora ao telefone naquele quarto de hotel com aquela vista fantástica da cidade de Tóquio. Rio-me quando ele aguarda por ela na sala de espera do hospital e tenta comunicar com aquele senhor. Canto com o Bob o "more than this" dos Roxy Music. E volto a chorar (sim, sou uma chorona, eu sei) quando eles se despedem e começa o "just like honey" dos Jesus and Mary Chain, que é uma das minhas músicas favoritas. Com tudo isto, com esta banda sonora maravilhosa, este teria de ser o meu filme, e teria de dar, obrigatoriamente, nome a este blogue.

21 comentários:

Anônimo disse...

Tenho-o na prateleira há muito tempo, mas ainda não o revi em casa. O post inspirou-me :) Talvez logo à noite!

Beijinho e bom feriado!
Cátia Afonso

Joao disse...

Bom, já o disse antes, se calhar até mesmo neste blog... não é o meu filme preferido, mas é um dos que mais gosto. E também não me canso dele.

Melissinha disse...

Também comove-me até aos cabelos de cada vez que revejo, é um filme muito especial para mim e o meu marido.
Gosto de tudo da Sophia (também não há muito), mas duvido que ela consiga superar a sua própria estreia, esta história de amor sem palavras.

Miss Complicações disse...

Um grande filme, sem duvida!

Pedro Correia disse...

Revi-o ontem curiosamente, sem dúvida o meu filme preferido.

Mnemósine disse...

Não é o meu favorito mas gosto imenso, acho que é especial.

Buttafly disse...

Acreditas que não consigo perceber a magia toda que dizes haver no filme?...


;)

Anônimo disse...

Revejo-me no filme, até pq tive uma história muito idêntica ao do filme , muito mesmo :)

já o vi vezes sem conta !

Anônimo disse...

favourite movie also

BlueAngel disse...

É também um dos meus filmes. Chamo-lhe Bad timing, mas isso tem a ver com a minha história pessoal. Tem interpretações brilhantes.

Precis Almana disse...

Não achei qualquer piada ao filme... Mas é giro as pessoas verem e sentirem coisas diferentes!

P. disse...

adoro.

Célia disse...

Adoro o filme. Em Novembro vamos a Tóquio e claro que o filme será a nossa referência. O meu marido ainda anda a decicir se vamos ou não dormir uma noite ao hotel. Isso é que era! Mas é carito. Ao bar vamos de certeza!
A acompanhar, a banda sonora, claro. Linda de morrer. Também eu choro baba e ranho com a última música" Just like honey". Um filme de eleição sem dúvida!

Louise Hazel disse...

E adivinha lá o que estou a ouvir neste preciso momento?

A banda sonora do filme.

Maravilhosa!!!!

Raizer55 disse...

Lisbon, Lisbon, Lisbon, Lisbon...

continuando assim... disse...

também o tenho por aqui ... há que rever sim :)
bj
teresa

Girl in the Clouds disse...

Dos meus filmes favoritos!! bem como banda sonora!! A Scarlett é sem dúvida uma grande actriz, gostp bastante dos trabalhos dela!!

Dulce Alves disse...

Não é o "meu" filme de eleição, mas está na lista dos favoritos ;)
Estive em Tóquio em Dez/Janeiro e fiquei muito pertinho do Park Hyatt (hotel onde foi rodado o filme) no bairro de Shinjuku, um dos mais animados, por sinal.
E claro que, da tela de cinema para o «in loco», Tóquio tem outro encanto... e passar tanto tempo no hotel, como passou a Charlotte, é um enorme desperdício!!! ;)


http://agre-e-doce.blogspot.com/2008/12/lost-in-tokyo_28.html

Dulce Alves disse...

Ah, e confirma-se que em Tóquio "o amor é MESMO um lugar estranho", onde a etiqueta e um certo recato dão lugar a uma estranha forma de vida...
No plano das relações humanas a simpatia abunda, particularmente, no comércio e serviços, mas no plano dos afectos pessoais, são um pouco frios entre si. Aliás, demonstrar afecto em público por alguém não é nem comum, nem agradável, pois fixam logo os olhos nos "atrevidos" ;)
Um simples beijo ou um abraço em público embaraça os presentes e os próprios!

costela de adão disse...

Grande filme, também gosto muito.

Leila* disse...

Vi esse filme há pouco tempo por sugestão e com o 'meu homem' e gostei bastante. A música, essa, ficou como sendo a 'nossa'. :)

Há muito tempo que sou leitora assidua deste teu canto, parabéns pela forma como escreves*