sexta-feira, 10 de maio de 2013

A time for love... I do!






















Foi o horror e a tragédia quando se percebeu que a Keira Knightley já tinha usado numa qualquer festa em 2008 o vestido que usou no dia do seu casamento. Não tendo eu qualquer tipo de paciência para bridezillas nem para gente que se endivida para transformar casamentos em circos, achei bonita toda esta simplicidade. E quem sabe se o vestido não tem alguma história na relação dos dois? Eu ia jurar que sim.

7 comentários:

Catarine Martins disse...

Não gostei do vestido mas acho que, quando o tema é casamento, há que respeitar a máxima de que a noiva veste o que quiser e o que gostar. Afinal, é só um vestido. Who cares?
www.letirose.com

Isa disse...

mm q n tenha, adorei a atitude dela.

Daniela Pacheco disse...

concordo plenamente contigo :)

Juanna disse...

Oh céus... eu fui altamente pressionada para transformar o meu casamento num circo e acabei por comprar um vestido qualquer que odiava (e que despachei assim que deu), a festa foi no eleven (que odiei), tive de convidar pessoas que odiava (e odeio) e foi o dia mais miserável da minha vida. Ora portantos, se a miúda quer usar o vestido 23 dias por mês, acho estupendo. Quem é que tem de estar feliz?

Madalena M disse...

Concordo plenamenente.Há uns anos ate se alugavam vestidos de noiva. Dar uma fortuna por um vestido para usar umas horas, é que eu acho pessimo,gastar dinheiro que muitas vezes não se tem para agradar a pessoas que muitas vezes nem se gosta ou conhece...

Eu, Tu e o Meu Blog disse...

O mais importante não é o amor que une as pessoas? não sou casada e respeito e amo a pessoa que tenho ao meu lado com se tivesse um papel assinado*

aiuich disse...

Prova provada que há verdadeiros adeptos da reciclagem de roupa. Até as estrelas o fazem, e não é pelo pouco que ganham. É um lifestyle. Permitam-me a pub:

http://aiuich.blogspot.pt