domingo, 1 de julho de 2012

Cruzes

A gala do Ídolos vai de mal a pior. Crianças a cantar. Manzarra e Cláudia Vieira a chegarem ao estúdio de mota. Finalistas a cantarem pessimamente mal. Eu começo sempre a ver cheia de esperança, mas demoro dez minutos a fartar-me e a mudar de canal. Meu rico American Idol. Meu rico Phillip Phillips.

15 comentários:

Mary disse...

Não podia concordar mais. Sempre adorei o Ídolos, mas tenho que admitir que vai de mal a pior :-(

amiga da onça disse...

A produção de "A tua cara não me é estranha" é super

Marta Martins ♥ disse...

Phillip Phillips FOREVER!!!!!!!!!!!!

carolaine disse...

mesmo. vai de mal a pior , então a Cláudia tem tanto jeitinho para apresentadora como eu para a costura !

Pipa disse...

Mariana, Mariana, Mariana

Panda disse...

Nunca consegui ver o português e sim já tentei! Realmente nem se compara ao americano em tudo! Qualidade dos participantes, do espectáculo, da apresentação, dos comentários do júri...

dreaming.girl disse...

Concordo contigo... Este ano isto está muito fraquinho...

http://agirlsdream-blog.blogspot.pt/

stantans disse...

não percebo o que é que as pessoas vêem no Phillip, parece que está a fazer um esforço enorme quando canta. por mim tinha ganho o Joshua ou a Jessica, sem dúvida

stantans disse...

mas realmente o american idol está a muuuitos anos luz dos ídolos!

A. disse...

Subscrevo inteiramente!

kiss me disse...

O Phillip Phillips arrasa em tooodas as galas (e há por lá outros muito bons). Não há comparação possível!!

disse...

MInha querida Kitty Fane, cheira-me que acabou de me estragar o American Idol!! O que vale é que eu adoro o Philip ;-)

Ana C. disse...

Os piorzinhos das eliminatórias gerais do American Idol, foram 10 vezes melhor do que os finalistas do Tuga Idol.
É uma depressão. Por isso é que precisam de tanto espectáculo extra (mamas da Cláudia Vieira incluídas), é para desviar a atenção da falta de vozes.

Teresa Poças disse...

Já não consigo ver desde a primeira edição! É muito difícil fazer um programa destes sem deixar de ser surpreendente. Se não for bem feito, ver a segunda edição parece ver um filme outra vez e quando não é extraordinário, ninguém o faz...

Alma de adolescente disse...

Eu cá acho que esta está a ser a edição de ídolos mais fraca. E no que toca ao cantarem mal, é verdade! Bem, pelo menos nesta gala houve um pouco de justiça nas saídas.