quinta-feira, 17 de setembro de 2009


Jude Law


49 comentários:

Allie disse...

Não vai há muito tempo conheci o casal-perfeito. Ambos muito bonitos, elegantes e apaixonados. Todas suspirávamos por alguém assim. Mas a verdade é que passados uns meses de tanta perfeição a verdade feia veio ao de cima: ele era, de facto, demasiado apaparicado e não resistiu. Encornou a namorada quanto pode e ainda o faz, mas desta vez com "algum" conhecimento por parte dela.

Por isso, eu ando muito contente. O meu não é lindo e na rua poucas reparam nele e se babam. Mas, em compensação, ele é tudo o resto e eu sou uma sortuda por o ter assim.

Feiticeira disse...

Até gelei com este post. Sempre tive o mesmo ditado. Todos os "casos" que tive foram com homens mesmo giros, mas coisas sérias sempre foram uns assim-assim nos quais eu via coisas que mais ninguém via e achava piada a isso! Agora o meu ragazzo é lindo de morrer, e é o defeito que lhe encontro à partida. É muito inteligente, interessante, bem sucedido, faz desporto, faz-me rir... Só gostava que fosse um bocado feiinho! é uma inquietude. Além do mais é italiano... bah! Já sei tão bem no que isto vai dar!!!

Concordo contigo!
beijinho

Gaja com G maiúsculo disse...

Kitty o que me foste relembrar com isso! Também já tive os meus 2 homens perfeitos, bonitos, e tal como tu concordo q a atitude deles vai para além do carácter! Sim nunca tinha descanso... sim foram os que realmente causaram os meus dois maiores desgostos de amor... sim também ganhei com ambs um par de corninhos, porque uma coisa aprendi, esse género de homens, nunca são de uma mulher só!!

Portanto venham os charmosos e queridos ;))

Pecansis disse...

Concordo perfeitamente. Ainda estou traumatizada com o primeiro namorado do 5.º ano (nada sério). Loiro, lindo que se farta com todas as miúdas da escola atrás dele (até a minha prima quatro anos mais velha). Fartei-me de ter sempre as miúdas a cochichar, dos boatos que andava com outras e acabei com ele. Desde então, nada de louros nem carinhas larocas.

I. disse...

BRAVO!
Concordo totalmente (não é todos os dias, hein;P), e então o último parágrafo é lapidar.

Lisa disse...

A beleza é relativa, e aquilo que para mim pode ser bonito, para os outros pode ser um trambolho.

Mas ha coisas em que nós as mulheres estamos de acordo, há homens que por terem um beleza unica agradam a nossa vista.

Percebo-te muito bem ao dizeres que não queres homens demasiadamente bonitos ao teu lado. Torna-se complicado gerir certos sentimentos quando o nosso parceiro é alvo de constantes olhares (e eu não sou ciumenta).

Eu, embora como toda a gente, a primeira coisa que reparo é no aspecto, basta conversar um pouco com a pessoa em questão que me alheio a isso e passo a ver a pessoa segundo a sua maneira de estar e segundo os seus ideais.

E por vezes ha homens em que o pacote pode não ser demasiadamente apelativo, mas quando se espreita lá para dentro, são mais docinhos que chocolate.

E eu adoro chocolate... ;)

june disse...

Eu não gosto de homens bonitinhos, primeiro, porque um homem para mim á partida tem que ser mais feio do que eu..hehehe...
Segundo..não gosto de partilhar o meu homem...seria uma chatisse..
Terceiro..Um homem bonitinho fica demasiado femenino e pouco macho, eu gosto deles imperfeitos por fora e melhorzitos por dentro, pois a perfeição enjoa...
:)

Jo disse...

Ui que temos uma historia tao igualzinha!!!!
Realmente no fim é um alivio! Mais vale um que tenha um "je ne sais quoi" do que um Brad Pitt... é um desassossego! Nunca mais!

Capitão Microondas disse...

Indexar a beleza à fiabilidade e constância não faz muito sentido, embora perceba o ponto de vista.

O mesmo se aplica ao homem. Existem mulheres bonitas que dão problemas. Assim como existem mulheres bonitas que não dão problemas, que nos amam e nos são fiéis.

O resto depende de nós. Ou somos confiantes em nós e na relação ou não somos. Se uma mulher anda em apuros apenas porque leva ao lado um homem para quem todas olham essa mulher não está segura da relação, confiante no homem que tem ao lado. Se demonstrar essa insegurança está lixada claro. Assim como o homem excessivamente ciumento, embora as mulheres bonitas que vivem com homens ciumentos e inseguros sejam mais complacentes do que os homens no cenário inverso.

Depois também entra a idade em questão. Tirarem conclusões com base em namoros que tiveram em idades em que os homens que tinham ao lado queriam (quer admitissem ou não) abater aviação em barda enquanto vocês queriam era agarrá-lo não permite grandes conclusões. Uma coisa são homens, outra coisa são putos.

Por outro lado imagino que a beleza dos moçoilos vos possa ter toldado a avaliação do que ele queria. A mulher, quando se apaixona, leva ao píncaro o extremo do wishful thinking.

Conclusão:
- existem homens bonitos e homens feios, independentemente de serem cabrões ou fiáveis.

- um homem bonito tem mais oferta. Mas se esse homem bonito tiver princípios, for emocionalmente abastado e estiver realmente apaixonado (ou melhor) vos amar, essa oferta apenas servirá, na melhor das hipoteses, para vos picar (e muito bem). Isto se vocês derem conta dele como é óbvio, se só se lembrarem de lhe aparecer em lingerie 1 vez de 2 em 2 meses aí minhas amigas, estão lixadas.

Conclusão: a diferença entre o homem bonito e o homem feio é portanto oferta: ambos podem sofrer as mesmas frustrações, ambos podem ter os mesmos apetites, ambos podem estar por vós (depende de vós) devidamente preenchidos emocionalmente ou não. Depois a diferença é que uns têm opção para fazer merda e os outros não têm.

Sendo assim, provavelmente os homens menos bonitos (como critério realmente importante para selecção de parceiros de longo curso, com o texto e alguns comentários dão a entender) são uma boa opção para mulheres inseguras ou simplesmente preguiçosas, que gostariam de ter um aston martin mas não se sentem confortáveis ao volante do mesmo (insegurança) ou não estão para ter com eles os cuidados de revisão que o modelo exige (preguiça).

Poetic GIRL - BELA disse...

Um homem demasiado bonito só dá trabalho realmente, nunca tive nenhum, sempre me interessei mais pelos meios termos... beijocas

art.soul disse...

esses "Jude Law"s só dão pra one night stand... caso se esteja para aí virada.
pk normalmente, homem que tem muito mulherio atrás, ou anda sempre a petiscar fora de casa... ou vira gay.

Anônimo disse...

Vi aqui um comentário sobre um namorado italiano e achei piada, porque temos sempre a impressão que os italianos e italinas são o máximo. Estive este ano em várias cidades italianas e fiquei muito desiludida tanto com os espécimes masculinos como com os femininos.
Aliás, um dia em Barcelona vi mais pessoas e bem mais bonitas do que em 12 dias em Itália.
Em relação a alguém ser muito bonito não me parece que esteja relacionado com o carácter. O facto de olharem sempre na rua para ele por ser bonito, é algo que nos pode causar insegurança, mas que mais problema nosso que dele.
Depois, não é preciso ser especialmente bonito para ter muitas mulheres a "darem em cima" dele, falo por experiência, o que demonstra que é tudo uma questão de conteúdo e não de embalagem.

Marta Albuquerque disse...

Eu cá acho que o importante a retirar deste post é que deviam haver muito mais pedestais por aí, para podermos arregalar os olhos :)

Me disse...

Não é muito fácil ter uma opinião estanque há cerca disto. Acho que nunca se é demasiado perfeito. Por isso também nunca se é demasiado bonito. No entanto, a experiência mostra-me que entre os dois lados, as mulheres sabem lidar (muito) melhor com esse tipo de bajulação.

Miguel disse...

Lamentávelmente, tenho de concordar um pouco com este post.

É a primeira vez que "vejo" uma mulher falar nestas coisas. Mas o mesmo se passa em relação às mulheres.
A personalidade e caracter das pessoas são afectadas durante a sua formação - que irá algures da adolescência aos vintes e tais - pelo facto de serem adorados/as e por isso lhes ser permitida muita coisa que de outra maneira não seria.
A tolerância que se tem para uma pessoa bonita - para a esmagadora maioria das pessoas heterossexuais do sexo oposto - é muito superior que para uma pessoa "normal". Obviamente por razões estritamente de atracção fisica.

Os/as belos/as já esperam isso mesmo - e usam essa arma muito bem - e o resto faz-lhes a vontade de uma forma que chega a ser chocante...

Um bom post!
Parabens. Pouca gente tem a coragem de falar nisto. É só bom não esquecer - e repito-me - que funciona para os dois sexos!

Celinha 007 =) disse...

Completamente de acordo! O teu cérebro deve ser sósia do meu... Penso exactamente da mesma maneira que tu e também já me deixei levar por estes bonitões. O primeiro foi deixar a maré enquanto ainda era tempo e plos vistos consegui. Depois paguei bem caro por esta atitude de "cabra" e apanhei um que pode ser delicioso, lindo, que se veste bem e extremamente apetecível... Mas perdeu tudo quando demonstrou o seu lado "p*ta" e come tudo o que anda e é do sexo feminino. Isto no mínimo mete-me nojo, tudo porque o paleio de engate é exactamente o mesmo. Enrola, ilude e vai conseguindo pontos... não com quem ja o conhece, mas com as novidades que vão aparecendo plas redondezas! E depois quando lhe sobe à cabeça a mania de ser barman é para esquecer... Resumindo... andar com troféus? não obrigado porque dá muito trabalho a poli-los e no fim fica tudo igual! não vale a pena o esforço dispensado e ainda ganhamos umas quantas chatices.... Tou contigo Fane :D *

beijo

Miss Kitty disse...

Atrai-me hoje em dia muito mais um homem seguro, charmoso e inteligente do que um homem muito bonito. ;)

BJS*

Miss Glitering disse...

Minha querida Kitty,

Como eu a entendo. Os homens perfeitos só dão trabalho, dores de cabeça e muitas lágrimas.

Um beijinho.

S* disse...

Concordo. Homens muito bonitos e com muitas mulheres à volta... é certinho que não fazem grande coisa numa relação. Claro que há excepçoes. Isto é a regra.

Tuxa disse...

Kitty Fane,
Dos melhores posts que tenho lido. Concordo em absoluto!

Cat disse...

Uma amiga minha tem um lema que é "não gosto de tipos giros" :)

Precis Almana disse...

O problema é que o tal je ne sais quoi também é uma coisa que muitas vêem ;-)

Anônimo disse...

Eu cá concordo com o Capitão Mircoondas... :)

Cátia Afonso

Drika disse...

Meu ex era horrivel, ja o meu atual é um gato de parar o transito, é ruim pq sempre fico com o pe atras com ele =(

Lila* disse...

Eu concordo muito ctg!Aqui os homens giros do meu local de trab sao uns grandes cabroes, tem a mania q sao bons (e sao), humilham as namoradas, e atiram-se descaradamente a miuda + gira que entrar pl gabinete dentro!
Tenho pena, mas concordo mt ctg, uma pessoa suspira por eles m dp ja sabe q n podemos aspirar mt + do q isso, pq é para sofrermos na certa!

Vânia Pereira disse...

Gostei, há muita estupidez ainda que leva as pessoas a mostrarem-na nos comentários :S
Olha, eu sou assessora oriflame, visita o meu blog e vai acompanhando as novidades!
Comenta para saber o que o teu "blog" achou do meu e divulga pf aos teus amigos..
http://orimoda.blogspot.com/

beijos

Caniche da Kitty disse...

Quem é que anda a tratar mal a minha Kitty e a fazer comentários desajustados sem perceber o que tu escreves? Diz-me quem são essas pessoinhas que eu vou lá à barraca deles e amando-lhes com uma cabeçada no céu da boca!

Laetitia disse...

Apesar de perceber o teu ponto de vista Kitty, estou inteiramente de acordo com o Capitão Microondas!

Anônimo disse...

Concordo plenamente contigo...Quanto aos posts ofensivos não ligues..Escreves bem e fazes-me rir

Anne disse...

querida não leves os coments muito a sério tb. são de pessoas que nada mais têm a fazer na vida que se deixarem ferir por aquilo que escrevemos. mas por acaso os nossos devaneios interferem com a vida de alguém? ide mas é à vossa vidinha e preocupai-vos com aquilo que realmente interessa na vossa vida. e Kitty, não te deixes afectar por essas anémonas sem cérebro. O que elas/eles queriam era ter tanta atenção como tu tens no teu blog. a inveja é uma coisa lixada.
kiss.

hierra disse...

Pois eu n podia concordar mais...é k uma pessoa tem de os aturar a eles e ao respectivo ego e isso torna-se insuportável :)

Miguel disse...

Tem uma certa graça...

Então mas a maioria das meninas até concorda mas não deixa de "derreter-se" cada vez que um gajo desses lhe dá atenção... mesmo, pelos vistos, sabendo que só vão para marcar mais um pontinho.

Parece-me que há aqui qualquer coisa que não bate certo. Parece-me, não sei...

Miss Slim disse...

Acho que é a 1ª vez que cá comento, mas venho sempre cá ler:) e gosto.
Como já cá foi dito, não leves tão a sério. Eu também no meu blog tenho o mesmo problema, só ainda não me chamaram foi Mãe de resto...
Enfim na minha opinião e foi o que fiz, foi fazer a moderação de comentários, como estás aqui a fazer e não ligar...

"...a Inveja é a religião dos miseraveis."

Força :)

Anônimo disse...

Oh Kitty, nem Cristo que era Cristo agradou a toda a gente, porque é que iria haver consenso quanto ao teor dos teus posts?
Não zanga!
Afinal os "maus" são uma minoria, uns míseros 5%, ou nem tanto. E o que conta são os bons!!
Estamos contigo.

Claudia

Isabel disse...

Homens demasiado bonitos eu dispenso. São mesmo só para admirar, porque na nossa vida só dão problemas. Sei por experiência própria porque o meu primeiro amor era lindo de morrer e muito me fez sofrer :(
Mas que tem que ter algo, tem. Às vezes mais ninguém vê esse algo que nós vemos e aí é perfeito. Temo-lo só para nós!

katie disse...

Homens lindos lindos lindos há muitossss... Mas é como dizes, são mesmo só isso, lindos. O tal je ne sais quoi simplesmente não paira sobre eles. E isso uma pessoa aprende, com o tempo, com a maturidade, com a cabeça enfeitada uma ou duas vezes. Vemos um homem lindo e pensamos "Uau! Mas... nunca na vida!". Mas depois também há aqueles que não são lindos lindos lindos mas que se crêem cheiinhos de je ne sais quoi e agem tal e qual como os lindos lindos lindos. E esses sim, são uma valente dor de cabeça...

Anônimo disse...

Privo, por motivos profissionais, com um desses Homens (quarentão) que deviam estar no pedestal. Quando o confrontei com o facto da sua figura lhe trazer um número incalculável de mulheres interessadas nele, gostei da resposta franca: tenho plena consciência do efeito que provoco nas mulheres, mas acredite que nunca fiz uso disso.
Sei que é casado e tem dois filhos e se calhar nunca fez mesmo "uso disso".... deve ser mesmo uma questão de carácter.... :)

Ana Lisa

Elisabete disse...

Olha, espero não te vir a dar razão daqui a uns tempos mas na verdade o meu namorado é um pouco o típico homem lindo de morrer que tu descreves. Para além de ser muito bonito (na minha opinião, é claro) também tem esse "je ne sais quoi".
É bajulado todos os dias, até porque trabalha com mulheres o dia inteiro, portanto podia ser caso para me dar dores de cabeça mas não é.
Sei bem que somos invejados por muita gente (aqui refiro-me a gente que nos é próxima), porque temos uma relação fantástica. Antes de tudo, somos sempre abertos e sinceros um com o outro e certas situações até dão para nos rirmos.
Aliás, muitas das vezes até sou eu que lhe digo determinadas reacções de mulheres para ele, que ele nem se chega a aperceber...
É uma questão de saber lidar com isso...

sonia disse...

palmas! palmas! palmas!

adorei! o que escreveu era o que eu ja me tinha apercebido, mas nunca conseguira exprimir *principalmente o ultimo paragrafo.. e as altera;oes de personalidade!

esta liiiindo! parabens

Muad'Dib disse...

E as mulheres demasiado bonitas??

june disse...

Muad´Dib: Mulheres bonitas?
Essas somos todas...raios...nem se discute...
:)

Maria disse...

Concordo.! Além disso os mais bonitos têm quase sempre a mania. Prefiro muito mais aqueles com um certo charme. Isso sim.. dá logo outro toque.:)

beijinho.

Nuno disse...

Apesar de eu ser lindo de morrer, vejo-me obrigado a concordar com este post. Não que à priori as pessoas muito bonitas tenham algum défice de carácter, mas que realmente, elas moldam a sua psiqué à beleza da carne. Enfim,isto é igualmente válido pra homens e mulheres, acho.

Bom post.

Anamar disse...

Errr... epá, não sei se serei a única a discordar num ponto, mas aqui vai: eu não acho o Jude Law "escandalosamente bonito"! (Serei só eu???)

No entanto, concordo com a teoria em si! Principalmente com o último parágrafo... acreditem, tenho provas do que digo :/

Bjs

Anônimo disse...

Sorry, discordo! Há homens e homens e não podemos generalizar. Eu não consigo encontrar charme em parte nenhuma se o homem for feio, o primeiro impacto é que conta! Agora claro está que quando gostamos o homem não precisa de ser um deus grego, mas tem que ter alguns aspectos fisicos que considero fundementais! Olhos escuros, traseiro razoável e mãos bonitas! Sem estes aspectos... Nada feito! Por isso George Clooney...What Else???

Andreia Campos

Andreia Campos disse...

Sorry, discordo! Há homens e homens e não podemos generalizar. Eu não consigo encontrar charme em parte nenhuma se o homem for feio, o primeiro impacto é que conta! Agora claro está que quando gostamos o homem não precisa de ser um deus grego, mas tem que ter alguns aspectos fisicos que considero fundementais! Olhos escuros, traseiro razoável e mãos bonitas! Sem estes aspectos... Nada feito! Por isso George Clooney...What Else???

Anônimo disse...

Sou casada com um homem bonito... Dá trabalho, tem um feitiozinho do pior, acha-se o centro do mundo...Mas eu dou-lhe a volta, e levo a minha ideia avante... Mas não é fácil, mas tenho a certeza q me é fiél...

Jri disse...

Concordo perfeitamente, apesar da minha tenra idade. :)

Fica bem e parabéns pelo blog do qual sou frequentadora assídua :D

Clau disse...

O Jude Law é ... não. Ia comparar ao Hugh Grant, mas não posso. Não é comparável a ele, nem a ninguém. Não sei se viste o filme natalício "O amor não tira férias" ou "Holiday", mas foi aí que percebi que o rapaz é bonito que se farta. E depois a personagem ajudava ao rótulo de fofucho: viúvo e pai de 2 meninas. Ai ai. Em relação ao Hugh Grant, bem.. sempre que vejo o Diário de Bridget Jones-I, assim que ele surge no ecran, na cena do elevador, dá-me uma coisinha má.. Apetece-me mordê-lo, fazer algo incrivelmente estúpido. Só é pena ele nem sempre ter bom feitio. C'est la vie! Demasiado bonitos? Existem sim.. mas acho que vai do gosto de cada uma.