quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Das histórias de amor

Começaram o seu relacionamento através de cartas durante a segunda guerra mundial e  no dia 20 de agosto de 1947 casaram. Harold e Ruth Knapke, após  65 anos (quase 66) casados e felizes, morreram com uma diferença de apenas 11 horas. Harold, aos 91 anos, às 7:30 e Ruth aos 89 anos de idade, pelas 18h30m. Foram enterrados juntos.

14 comentários:

coisinha disse...

O amor é lindo! E esta história é enternecedora. :(

Nadinha de Importante disse...

isto é que é uma história de amor, vivida em conjunto e até ao fim.

rosa do deserto disse...

Acho estas histórias tão bonitas...

Miscelânea disse...

As almas gémeas afinal existem *.*

homem sem blogue disse...

simplesmente... amor

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

Happy Brunette disse...

Ohhhh ♥

Romanov disse...

amor verdadeiro!

wednesday disse...

Já tinha ouvido de manhã na rádio comercial. É de facto lindo e comovente.
Se todos os casais fossem assim, se calhar muitos males do mundo não existiam.

Merenwen disse...

Já não há amores assim!

O Sexo e a Idade disse...

Ainda há amores de verdade!

Cristina Oliveira disse...

Lindo e raro!

O comando disse...

Os meus avós maternos, faleceram com um dia de diferença ambos vitimas de doença prolongada (achamos nós). Ele falecido a 31 de Outubro, ela a 1 de Novembro. Não foram enterrados juntos porque os filhos não permitiram! Mas era amor também, nem a morte os separou.

Teresa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Miss Borboleta disse...

Todos os amores deveriam ser assim, mas não são :(