domingo, 18 de novembro de 2012

À espera de um milagre






















Infelizmente não posso ser dadora de medula óssea. Se pudesse seria com toda a certeza. Tal como eu, há imensa gente que não pode ser dadora por motivos de doenças, que têm ou que tiveram, deixando aqueles seres mais saudáveis com uma responsabilidade ainda maior de irem a correr fazer os testes de compatibilidade. Esta é a Miriam, prima de uma leitora deste blogue, que luta há dois anos contra uma Leucemia grave e que precisa urgentemente de um dador compatível. Como ela há centenas de pessoas à espera de um milagre. E o milagre podem ser vocês. Podem e devem ir já a correr ao Hospital Pulido Valente, por exemplo, ou a outro local onde façam os testes.

5 comentários:

Ana Rita Pereira disse...

Estes casos de crianças que sofrem com estas doenças deixam-me o coração super apertado :s Eu sou dadora de medula óssea e tento sempre convencer as pessoas que me são próximas a tornarem-se também.
Espero que muito brevemente a Miriam encontre alguém compatível :)

Mia disse...

Obrigada :)
És um amor! Agradecemos.. :) Beijinho enorme e muita sorte e saúde para vós.*

Atlântida disse...

Eu sou dadora (ainda não fui, mas estou na base de dados) há cerca de 3 anos.

Espero que corra tudo bem!

ADEK disse...

Também estou na base de dados há alguns anos. Um dos meus sonhos era um dia ser chamada para doar:)

Lyah Carter disse...

Sou brasileira e estou muitttttoooo longe, mas desejo muita sorte pra essa menininha e que ela encontre logo a cura! abraços a todos