domingo, 9 de setembro de 2012

Das tardes de cinema























De repente já não apetecem as esplanadas nem os dias de praia e começam a apetecer as tardes no cinema. Hoje foi a vez de ver este filme e adorei. A plateia era constituída por pessoas de mais de cinquenta anos e nós éramos as pessoas mais novas na sala de cinema. Não tinha lido nada sobre este filme, não tinha grandes expetativas e esperava uma comédia banal ao estilo de "Amar é complicado" em que Meryl Streep contracena com Alec Baldwin. Enganei-me redondamente. O filme, apesar das muitas cenas engraçadas e clichés, é muito diferente de uma banal comédia romântica. É muito mais do que isso. Aborda de uma forma muito interessante as relações de uma faixa etária que, regra geral, não dá sucessos de bilheteira no cinema, tocando em feridas e abordando os problemas de um casamento longo. E tem a Meryl Streep e o Tommy Lee Jones que fazem qualquer filme valer a pena.

7 comentários:

Catherine D'or disse...

Também gosto deste filme :)

Mamã de Peep-Toe disse...

Já tinha comentado que queria ir vê-lo...

Alexandra Fernandes disse...

Foi exatamente esse o meu pensamento, que fosse outro filme desse género. Está na minha lista de filmes a ver.

sandra disse...

Quero muito ir ver =)

Fernanda disse...

Olá, achei seu blog num momento em que pesquisava algo para aplacar uma tristeza da alma... gostei e estou seguindo...

Se quiser, será um prazer que você visite o meu:

www.brisaetempestade.blogspot.com

açucar pile disse...

Adorei este filme, aliás posso dizer que é dos mais interessantes dos últimos tempos. Agora quero o livro :)

Jo disse...

Quero muito ver este filme.