quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Da saudável diversidade de gostos

Lindsey Wixson e Daphne Groeneveld fotografadas para a W por Alasdair McLellan, agosto 2011

Hoje durante uns tempos mortos conversava-se nas pseudo jet-set que trocam de namorado como quem troca de camisa. E logo veio à baila a Margarida Rebelo Pinto que apareceu recentemente com um novo namorado. Uma colega minha disse imediatamente que ele era lindo. E eu pensei para os meus botões: será que estamos a falar do mesmo? É que eu lembro-me de um rapazinho com um arzinho assim meio pintarolas metrossexual, com uma camisinha às flores e um colarzinho ao pescoço. Nada contra, mas, pronto, não faz mesmo nada o meu género. Afinal era mesmo esse. Conclusão: há mesmo gostos para tudo. O que para mim é feio, para outros é bonito. E vice-versa. E é bom que assim seja.

5 comentários:

Patricia disse...

E que bom existirem mesmo gostos diferentes...que aborrecido que seria :)

Cor De Algodão Doce disse...

Se todos gostássemos do mesmo seria uma grande chatice, sim senhora!! :)

V. disse...

Parabens pelo blog! Ja estou a seguir.

Agri Doce disse...

Ainda bem que não gostamos todos do mesmo MAS, realmente, não lhe acho piada nenhuma!Tem um ar...detesto!

Jo disse...

Ainda bem que assim é. Caso contrário andávamos todas (todos) atrás do mesmo.