segunda-feira, 26 de julho de 2010

Eles andem aí


Natalia Vodianova fotografada por Mert Alas & Marcus Piggott para a Vogue

Eu nunca fui muito de me envolver com um hoje e amanhã com outro. One night stand e afins nunca fizeram o meu género (nada contra quem o faz, atenção). Claro que não sou nenhuma santa e também tive as minhas aventuras, mas que me lembre nunca perdi a cabeça por dá cá aquela palha. Sempre estive grandes temporadas sem ninguém (e quando eu digo sem ninguém, é mesmo sem ninguém) e nunca morri por isso. Vivo muito bem sem um namorado. Não sou daquelas pessoas que mal sai um, já está outro à porta para entrar. Que não conseguem viver sem alguém. Eu consigo ser feliz sem um amor. Claro que estou melhor com ele, mas se não o tiver consigo ser feliz. Aliás, aprendi ao longo do tempo que prefiro mil vezes estar em casa, sozinha, com as minhas coisas, do que estar numa má relação como tantas que eu vejo por aí. Por isso, nunca entrei em desespero nessas fases mais solitárias que mais pareciam travessias no deserto, como eu gosto de as apelidar. Aliás, o desespero nunca é bom para nada. Acabamos sempre por optar pelo mais fácil e pelo mais rápido. E isso nem sempre é o aconselhável.

Isto tudo para dizer - Meninas, eles (os homens decentes) andem aí. É preciso é calma.

25 comentários:

Inês disse...

Subscrevo inteiramente o teu post.
Lógico que tive as minhas aventuras e sim uns quantos one night stands.
Quase a fazer 30 anos,muitas vezes vem a pergunta sacramental.Mas não só existem prioridades de vida,como não ando aflita do coração a pensar nisso,nem ando a correr atrás de ninguém (nem nunca corri).
Além do mais faço a apologia do mais vale sozinha do que mal acompanhada, e neste momento não tenho mesmo ninguém,nem mesmo para me entreter (como digo muitas vezes),e muito sinceramente não sinto falta.Mas sim tenho amigas que entraram em rota de colisão por não terem uma relação e andavam numa busca inecessante por alguém.

hierra disse...

É verdade sim e são aos molhos :)...no Verão eles saem da toca!

Rubi disse...

Sem duvida, tal como tu estive longos periodos sozinha e em que era muito feliz. Alias, costumo dizer que so' estamos preparados para ter alguem quando estamos preparados para estar sozinhos! Jokas

Passion Note disse...

E por falar nisso, espero que o teu homem decente esteja bem. Ou melhor.

Beijinho*

Paulo Nunes disse...

É preciso ter calma...turururu não dar corpo pela alma turururu :)
De facto tens razão! Eu também saberia viver sozinho sem problemas e se por acaso fosse solteiro.. muito dificilmente tinha uma namorada... vejo com cada uma.. jasus! era logo meter os patins nos pés!quer dizer... nem chegava a ver nada porque antes de começar tinha que passar muitos "testes" e chumbava logo :)
Como tu dizes...eles andam aí.. poucos mas andam! e em relação às mulheres é a mesma coisa...poucas mas ainda existem! :P
beijinhos

Silvia disse...

Adonde andem os marafados quê cá na os vêje??

EU SOU EU disse...

Olha que o teu texto não é apenas para as mulheres... eu como homem identifico-me bastante com ele...com as tuas palavras... e tal como tu...sinto-me muito feliz...só...mas é melhor estar acompanhado... por isso devias dizer "Meninas e Meninos, eles ou elas (decentes) andem aí...ehehehe

ME disse...

Obrigada Miss Kitty Fane.
Beijinhos

margarida disse...

O meu desespero não é nas fases solitárias, é quando acaba uma relação para a qual dei tanto, me esforcei tanto, o desespero é nessa fase de transição.
Depois uma pessoa habitua-se e claro, nem acredita como se deixou chegar a esse estado.
Beijinhos

prada disse...

"Mais vale mal acompanhada, que só"
Venicius de Moraes

Não é facil,mas posso concordar!

carolina disse...

eu nunca os vi, mas lá que eles existem... ah isso existem eheheh

Ritinha disse...

Podia ter sido eu a escrever este Post de tão parecido que é com o que sinto: tal como tu, sou super-independente e o desespero é algo que abomino!
Prefiro mil vezes a minha própria companhia à de alguém com quem não me identifico apenas para evitar estar só!
O velho provérbio "Mais vale só que mal acompanhada" tem o seu quê de verdadeiro!
É triste, no entanto verificar o número de pessoas que ao acabarem uma relação, não descansam até encontrarem outra!

Enfim, gostos não se discutem mas eu prefiro pouco e bom do que muito e mau! ;)

Orchid Pink disse...

Se realmente existem que não se esqueçam de mim, sendo que de momento estou bem só.

Mas realmente nesta altura do ano fica tudo com a pita aos saltos, como se costuma dizer.

Ultima Thule disse...

Quando deixas de procurar, encontras aquilo que precisas?
Muitas vezes, quando se quer muito algo, esquecemo-nos do que realmente precisamos.
E nestes tempos de calor...

êne u êne ó disse...

Parafraseando o Pedro Abrunhosa:

É preciso ter calma... e não dar o corpo pela alma!

Acho que tens muita razão!
Eu, por exemplo, ando por aí!

CF disse...

Partilho, claro. Mal acompanhada é uma coisa muito má mesmo. Sei do que falo por experiência, e por isso não correu bem. Se eu fosse de me acomodar, ainda hoje estaria em má companhia. E é que de facto, comparativamente, estou muito melhor sozinha.

Spiddy Girl disse...

Como eu te compreendo... estou sozinha há quase 1 ano e meio e quando digo sozinha é mesmo SOZINHAAAA... mas quando digo isto as pessoas perguntam logo: "a sério??? impossível, pelo menos uma noite!!!"
Há alturas na vida em que precisamos estar sozinhas e em que precisamos encontrar o nosso eu... principalmente quando saímos de relações muito complicadas... só conseguimos alcançar a felicidade quando nos sentimos realmente livres para o fazer...

afepereira disse...

concordo plenamente... principalmente com a ultima frase... é claro...

Eheheh

Abreijos

Prezado disse...

Até sobram, na verdade. É isso e gajas bouas.

FUSCHIA disse...

andam ?? onde onde ?? decentes ?? duvido !

Inês disse...

Eu não sei se os homens decentes andam por aí,só sei que tinha/tenho um GPS que localiza a pior espécie que existe: girinho,conversador,normal dentro dos meus parâmetros e SACANA!!!Onde está o SACANA o meu GPS apita/apitava!!!Moral da história:para sacana,sacana e meia.

→ Calipso disse...

Esperemos qe sim :D

Antonio Branco disse...

tenho uma amiga que uma vez me disse que achava que os decentes estavam todos ocupados ;)

eloi disse...

Muitas vezes o problema é que são os/as "sacanas" que nos fazem brilhar os olhos!

Eu tenho por regra de vida não fazer planos, deixar fluir, não virar a cara à luta, mas não tornar cada cara uma luta!

A vida é linda, a só ou a dois. O universo tratará de nos retornar aquilo que lhe dermos. Eu dou de mim o melhor que posso, sei e sou.

Citando alguém q admiro: "Façam o favor de ser felizes!" RS

e.

Lara disse...

Finalmente alguém que me entende!
Uf! É bom saber que não estou doente, que não sou uma ave rara... :D