sexta-feira, 18 de setembro de 2009

E quando se pensava que o pior tinha acontecido...

... Kitty Fane chega ao final da tarde a casa toda prontinha para ir jantar fora e para se preparar para um fim-de-semana fora e o que é que vê? A casita toda inundada. Ah pois, uma beleza, meus queridos. Apeteceu-me desatar a chorar e fugir dali para o fim do mundo para só voltar quando estivesse tudo impecável. Mas não, tive de encarar a realidade. Valeu-me o meu vizinho que estava a entrar e para quem eu me queixei, e que disse logo que me ia ajudar. Que querido. Foi vestir a roupa de combate e começou ali a tentar resolver tudo. Entretanto, chamou o outro vizinho para o ajudar. E os dois resolveram tudo ao fim de duas horitas. Claro que ainda tenho a noite toda pela frente para limpar o resto. Claro que ainda não está tudo terminado. Mas inundações já não vou ter, garantia de vizinho. Claro que estou estoirada. Estou chateada. Parte do meu chão flutuante da sala levantou. A minha carpete que eu amava vai para o lixo. Tenho trabalhinho para uma semana, mas, pronto, com um bocadinho menos de azar, tudo se há-de resolver.

E, relativizando (nestas alturas tem mesmo de ser), antes esta sexta-feira do que na próxima, não é meu querido?

14 comentários:

Anônimo disse...

Opá a ajuda devia ser feminina para agora os "gajos" nao virem para aqui com manias

dream* disse...

uuupps... mas que sorte! Espero q o problema tenha ficado resolvido ;)
Beijinho*

joana disse...

Temos de pensar na sorte em situações de azar, esses vizinhos são demais!

Me disse...

Relativiza minha querida relativiza porque há SEMPRE coisas piores.

Como diz a N., só a morte não tem remédio!

Bisouxxx

Caniche da Kitty disse...

Bem te disse, Kitty, para me chamares enquanto era tempo, que num piscar de olhos tínhamos isso resolvido e não havia inundação para ninguém. Assim, hoje não houve princesa para ninguém, e esses modos de gata borralheira não assentam bem contigo.

Prinxesa Boboleta disse...

É sempre uma irritação qd temos uma inundação. Uma vez a minha máquina de lavar começou a deitar água e inundou-me a cozinha! Fiquei tão danada que me apeteceu subir ao telhado e berrar até ficar sem voz. Pensa positivo, ao menos tens uma história para contar no blog e pessoas p te animar e apoiar nem q seja só psicologicamente, uma vez q o trabalho duro já está feito.

Le Enfant Terrible disse...

É melhor mudares de canalizador!

prada disse...

O mundo não acabou, continuas a bloggar e isso é o que interessa.
Convem sempre termos bons vizinhos, são quem nos acodem mais depressa, ás vezes são mais uteis que a familia, por esterem tão próximos.
Vais ter muitos bons fins de semana, afinal só perdeste um!!!

A miúda das letras disse...

Como é que isso aconteceu? Deixaste alguma torneira aberta?
A situação é dramática, que é, mas não pude deixar de rir quando li a frase: "Parte do meu chão flutuante da sala levantou". É mesmo chão flutuante, não há dúvida.
Espero que no próximo fim de semana nada te estrague os planos.

Coelha disse...

Bem pelo menos tens vizinhos fixes. Eu pedi ao meu para me fazer um orçamento para a pintura do meu pára-choques, e ele assim que se apanhou com o meu numero de telefone começou a mandar mensagens indecentes... Ele vive aqui com a mulher e o filho... já não há vergonha.
Boa sorte Kitty

Lua disse...

O que vale ter uns óptimos vizinhos...Estão sempre prontos para ajudar...=)

PP_FANTASMA disse...

Que grande seca...
Ou melhor, que grande banhada:)
Ks

Anônimo disse...

Fossem esses todos os problemas do mundo. Assim se compreende que a nossa escala de importância de problemas é sempre tão relativa.

Anônimo disse...

Imagino o que deves estar a sentir, eu passei pelo mesmo à mais ou menos 2 meses. Nem sei onde fui buscar forças, para me aguentar em pé e não entrar em pânico. Eram duas da manhã quando consegui tirar a água de toda a casa.Acho que fiquei traumatizada com inundações para o resto da vida.
Ânimo Kitty!
Bom fim-de-semana!

Blue Sky