sexta-feira, 4 de setembro de 2009

E não, não estou aqui para defender o "Socas"

Se calhar sou só eu que acho que a Manuela Moura Guedes foi despedida porque já não tinha lá o marido para lhe "aparar os golpes". Porque aquele "Jornal Nacional" e aquele tipo de jornalismo-caça-às-bruxas não faziam qualquer sentido. Acham mesmo que o Sócrates, numa altura destas em que anda aflito a namorar tudo e todos para ver se salva a honra do convento, ia mexer os cordelinhos para que a pusessem na rua? Mais valia então desistir logo da corrida. Sim, não me venham com histórias, o único prejudicado nesta história toda foi o PS. Mas que ali cheira a esturro, lá isso cheira.

56 comentários:

Anônimo disse...

O jornalismo-caça-às-bruxas podia não fazer qualquer sentido, mas olha que o jornalismo-ámen-ao-governo que tanto se vê por aí faz tanto ou menos sentido

James Lewis disse...

Cheira a paz podre...! (como de costume)

de Marte disse...

Kitty,
é exactamente o que eu penso. E conseguir ter dois dedos de testa para perceber que a MMG não é uma boa jornalista não implica a cruzinha no quadradinho do PS nas eleições. Supostamente a comunicação social e a política não podem dar as mãos, não podem andar envolvidas.
(Excepto, talvez, no caso Sócrates-Câncio). :P
E não, não deve haver dedo do Sócrates neste afastamento. Ele tem bem mais com que se preocupar do que com a arraia miuda que a MMG representa. Há peixões muito maiores a requerer a sua atenção e muitas acções de charme por desenvolver...

de Marte disse...

E não, eu também não estou aqui para defender o Sócrates. Eu nem voto PS...

Rosinha disse...

Toda a gente sabe que a informação na TVI é anti-informação e só e apenas sensacionalista. Eu axo deplorante. Em plena campanha,o que me parece é que há mão de outras associações políticas que não a do PS...
Obviamente que para bem da democracia, a TVI venha a público dizer que raio de maroscas é que andam por de traz de tudo isto. Ele que tanto querem que a verdade venha ao de cima em tão diversos assuntos...

J disse...

Ai sim ?

>Então e aquela entrevista vergonhosa na rtp1 conduzida pela Judite de Sousa há umas semanas em que era notório que as perguntas e as respostas tinham sido preparadas pelos acessores do pior político que "Tugal" já conheceu
( Zé Sócrates ) ???


A rtp está na mão deste governo que de democrático tem muito pouco !

E tu, como professora, nem deverias estar a defender um pulha como o Sócrates !!!

Allie disse...

Nesta altura era com o Sócrates porque está no governo, se entretanto este mudasse ela continuaria a fazer o mesmo. Vi apenas o tempo suficiente para perceber que ali não se informava, mas intoxicavam as mentes. Para mim, foi feito um serviço público, pelo bem da sanidade mental de todos.

E claro, depois de marido sair, não esperava que a mentivessem lá muito tempo. Acho-a mal-educada e arrogante, e abusadora da posição que ocupava. Espero que agora comecem a dar as notícias de forma isenta e imparcial que é o que se quer.

I. disse...

Eu nem vou votar no homem, mas acho que era preciso ser muito estúpido para fazer o que lhe imputam. E de parvo ele não tem nada.
Já a entourage dele já não se pode gabar do mesmo. Sempre a porem-se em bicos de pés, a mostrar ao chefe que se preocupam muito com ele... olha o caso eurojust. E mais não digo.

Pecansis disse...

Nunca considerei aquilo jornalismo.

E sim, a senhora foi despeddia porque os espanhóis nunca gostaram dela e o maridão já não está por lá.

Já era expectável que isto ia acontecer.

Vekiki disse...

Não vejo a TVI, nada da TVI. A programação é desinteressante e o espaço de Informação só me faz lembrar os títulos "bombásticos" do Correio da Manhã e do 24 Horas. Muita parra, pouca uva. Vejo as notícias na SIC e na SIC Notícias (que considero de muita qualidade!). Quanto à MMG, não gosto dela. Acho-a desnecessariamente agressiva, mal educada, e muito pouco profissional. Também não acredito que o PM esteja preocupado com o que diz a MMG ao ponto de influir na decisão de a despedir :-S. Infelizmente, quem tem bons conhecimentos está sempre seguro e, por isso, a MMG deve já estar com algo assegurado noutro "poiso" qualquer.

prada disse...

As coisas fazem-se devagar , devagarinho...
A TVI é privada e pode fazer o que muito bem entender. Quem não gosta não vê.. Agora o engenheiro tentar calar as vozes que se lhe opõem, é que é lamentável e ele fê-lo já muitas vezes.
Que mossa faz A MMG ao tal espanhol que deu a ordem para cancelar o seu telejornal, porque saiu o tal maridão que pôs a TVI
no topo das audiencias? Não é isso que interessa ao negocio das tvs privadas?
Ora não sejam ingénuos com lobos que não querem vestir a pele.

Lila* disse...

Concordo mt ctg!E pl q eu ouvi das declaraçoes dele acho q realmente nao teve culpa, so se fosse burro!

rosemary disse...

Concordo absolutamente com tudo o que dizes. TUDO! Basta ter 2 dedos de testa para perceber que aqui há trafulhice com intenções eleitorais...

Bjs*

Anônimo disse...

Eu sou socialista confessa. De qualquer forma, e independentemente da minha tendência política, sempre achei o Jornal Nacional um espectáculo deplorável.Em todas as peças a Moura Guedes fazia questão de dizer "é este o país em que vivemos", ou "não se admite", ou "é uma vergonha". Jornalismo não é isto. Os pivôs dos noticiários têm a função de transmitir as notícias, não podem nem devem tecer opiniões pessoais...
Como alguém disse e muito bem, o Jornal Nacional era outro "24 horas", onde todos os dias lemos editoriais perfeitamente escandalosos e pouco éticos e isentos.
Felizmente temos liberdade de escolha e podemos optar por não ver a TVI e não comprar o 24horas.
Sou socialista. Sou professora. E não, não defendo "um pulha como o Sócrates", defendo sim a ética e o profissionalismo.
Mariana

Maria Eva disse...

Finalmente uma pessoa que concorda comigo! Ufaaaa...

Anônimo disse...

@ Anónimo das 0:56

Como jornalista que sou, não posso deixar de achar imensa piada a comentários ridículos e infundados como o seu! "jornalismo-ámen-ao-governo" onde? Na RTP1, A estação pública? E será que quando foi para apontar dedos ao Governo, como no caso Freeport, a RTP não esteve também lá a faze-lo??? Agora, claro, como não veio para a "praça pública" com baixarias e Vascos Pulidos Valentes e coisas do género já não fez o mesmo efeito, é isso?

A MMG é simplesmente uma afronta ao bom jornalismo, aquele que se aprende durante anos na Faculdade e que, sendo bem feito, tanto gosto dá ver e fazer.

E que raio de mania esta de dizerem que o Sócrates é protegido pela comunicação social! Mas alguém com o mínimo de conhecimentos/cultura geral se lembra de um primeiro-ministro tão massacradinho por tudo e mais alguma coisa como este? Lembram-se sim, mas puseram-se a andar, com "o rabinho entre as pernas" antes mesmo de o mandato acabar.

Vão lá todos a correr votar Manuela Ferreira Leite... e daqui a um ano volto a vir aqui comentar política/jornalismo e idiotices!

Desculpa Kitty mas não me contive! Beijinhos, Tita

Pink Panther disse...

Concordo em absoluto ctg.

Bjs

pink

Alexandra disse...

Finalmente encontro (tal como encontrei na Sofia Vieira) alguma lucidez na blogosfera.

Uma nota, a Sra. não foi despedida. Demitiu-se. O que fizeram foi terminar com aquele formato de telejornal mas não a despediram.

Quanto ao PS, por amor de Deus, não há gente assim tão burra. Não seria um tiro no pé, seria antes um tiro na cabeça.

Agora o que me preocupa são estes falsos paladinos da liberdade de expressão e do estado de direito que acusam em praça pública. Nesta e em muitas outras situações, seja contra quem for.

Então e em direito, não há responsabilidade nas acusações que se fazem? Nas coisas que se dizem? Se há tanta certeza naquilo que dizem, porque não apresentam uma queixa nas autoridades competentes (Ministério Público)? Não o fazem porque isso já implicaria Responsabilidade. Algo que, pelos vistos, não é necessário em campanha e no jornalismo sensacionalista.

Neste caso em concreto, é claro que o único partido que teria algo a perder será justamente o PS.

Quanto à Sra. e aos promenores que queria dar a conhecer, mas já alguma vez esta criatura informou algo com fundamento que não fosse pura especulação e sensacionalismo jornalístico?

Muito gosto (pouco) destes circos políticos e jornalisticos de feras. Mais me divirto como o "povo" adora cair nas redes de quem as lança.

_ba_ disse...

Embora não goste dela (até ameaço o meu filho que se não comer chamo a MMG lol) só me chateia é que seja um espanhol a cancelar um programa que, por acaso, até dá é em Portugal.
Em Espanha parece que é um dado adquirido a presença da politica ser forte, isto é, os políticos controlam a televisão agora vir um "tipo" dizer que se cancela um programa na ante-véspera?
Além de escandaloso acho lindo ter um estrangeiro a "mandar" na nossa televisão (que vai de mal a pior diga-se)... era lindo vir agora um politico ou quem fosse vir mandar na minha casa.
Quanto ao Socrates (é amigo do Zapatero) até pode ter tido alguma "influência" mas, nesta altura do campeonato, só se fosse burro é que se deixava "ir nisto".
Além da Prisa se queimar ele também vai arcar com as consequências disto embora ontem tenha dito que não tinha nada a ver com o ocorrido e a oposição tenha aproveitado, de imediato, para dizer que sim, que tinha havido um dedo dele ou do PS.
Não gosto das notícias da TVI pois lembra-me sempre o Correio da Manhã ou pior ainda, acho-a agressiva, dura, assustadora e mal educada mas bolas quem é que se julga o espanhol?
Acho que o JEM ainda pode vir a lucrar com isto afinal a Ongoing já queria comprar 30% da Media Capital e não conseguiu e agora com a descida das acções talvez se concretize mais depressa... a ver vamos :-)

Precis Almana disse...

Não és só tu que dizes, fica descansada :-D
Para onde quer que vá, só espero que a SIC não a contrate :-(

Anônimo disse...

Olá

Gosto muito do blogue e se quero ficar de bom humor venho le-lo.

Não posso estar em mais desacordo com este post. Para mim isto foi propositado para que as pessoas pensassem da forma que escreveu neste post.

Não sou de qualquer partido politico. Nem sequer gosto da Manuel Moura Guedes. Agora, que isto foi de mau gosto, foi.

E deixar os Espanhois andarem em Portugal, é algo que dá para pensar!!!

Todos sabem que a OCDE e os Socialistas são "irmanos"...não me venham com histórias de vitimização de nuestros irmanos.

Bom blogue!

Abraço,

Francisco Aires Noronha

joana disse...

A senhora provoca muito medo!lol, mas não ao ponto de melindrar o Zézito. Perdeu o poleiro pois já lá não está o seu galo.

Lena disse...

Kitty,

Independentemente do estilo da MMG, que não é de forma algua o mais correcto, a ingerência de uma administração de uma empresa no trabalho de uma direcção de informação é extremamente grave. A informação deve ser isenta e isso só se consegue quando não se olha a interesses financeiros ou políticos. O que está a acontecer na TVI é extremamente grave do ponto de vista da democracia e da liberdade de expressão e de informação. E no final, quem fica prejudicado são os portugueses que desde 1974 não tinham de se preocupar com este tipo de subtracção de liberdade.
Já agora a MMG não foi despedida. Despediu-se do cargo de sub directora de informação na sequência da retirada da grelha de programação do Jornal Nacional de Sexta.

Mi disse...

Não acho que a MMG seja um exemplo de bom jornalismo, que não o é, mas é certo que o jornal nacional de sexta feira servia para abrir os olhos de muitos portugueses em relação ao tipo de pessoas que nos governam. E isso sempre lhes fez uma certa comichão. Se acho que houve pressão para que acabassem com o tal jornal nacional? Tenho a certeza. Até porque está em jogo a atribuição do 5º canal e a MediaCapital não quer desagradar a quem fará a atribuição.

kiss

Gata Malhada disse...

O que não é sabido não é comentado, é um facto.

Sendo sensacionalismo ou não, o facto é que pelo menos sabia-se dos podres.

Eu cá se me esquecesse de entregar a declaração do IRS, já tinha o fisco à perna, como é o Sr Sócrates até se pode esquecer. E depois ainda vem o marmelo pedir contenção de custos aos portugues quando vai passar férias ao Quénia esquecendo-se quando muita gente ganha o ordenado minimo. Devia era ter vergonha na cara!!

E não vale a pena continuar o chorrilho de aberraçoes que o gajo faz.

A Manuela Moura Guedes pode ter o seu "q" de não interesse, mas se fosse para mandar às couves mandava o primeiro ministro com sorriso de raposa velha!

hierra disse...

Era previsivel k saindo o maridinho, a manelinha ficava sem chão, aquele jornal de sexta era medonho, era desinformação, era ruído para os ouvidos :)

Gata Malhada disse...

E a RTP é melhor? Estação do Estado, deixem-me rir!!! Voltemos antes à censura em que nada se pode comentar sem o aval do Estado!

Mas isto tanto tem para PS como para PSD. Sendo eu do PSD, vejo o Isaltino Moraes e diz que desviar dinheiro é normal porque todos o fazem... pffffff

Gata Malhada disse...

E ainda dizem que o PS não é burro... convidar a Carolina Patrocinio para mandatária da juventude é cá de uma esperteza...

http://www.youtube.com/watch?v=bwSZzfQJjqM

"Eu quero ser comunicadora!! Porquê??? Porque sim.. (risos e sorrisos)" Carolina Patrocinio

aespumadosdias disse...

Já somos 2.

Tixa disse...

Concordo! ontem esse foi o tema de conversa na cafezada com os amigos! o Socrates nunca se iria meter em taL, digo eu!!! e a TVI sensacionalista como é não ia perder a oportunidade de o dizer publicamente... caso assim fosse! Digo eu!!!
Vamos ver nos que isto dá... mas que o principal prejudicado vai ser o "SOCAS"... isso não dúvido!

*Beijocas

Clau disse...

Bom.. isto é uma faca de dois gumes. Qualquer português agora, aponta o dedo a MMG e ao tipo de jornalismo que fazia. Mas lá está.. não era ela a única a realizar as reportagens e as investigações. Uma coisa era ela dar a sua opinião pessoal, (que não devia) a meio do jornal e convidar os amigos a colaborarem com ela, outra seriam as reportagens feitas e muitas delas bem feitas, onde o seu cunho pessoal já não se avistava de forma tão efusiva. O que interessa aqui é que seja que Governo for, direita, esquerda, centro, terá sempre que impor respeito aos seus opositores, mesmo que passe em "calar" alguns orgãos de comunicação social. É assim em todos os países, mas há formas e formas de o fazer. Quanto ao que se passou ontem, irá ocorrer uma investigação (que em Portugal raramente produz frutos), e aí logo se verá quem tem ou não razão. Seja como for, não acho que o PS seja prejudicado em nada, uma vez que a maioria da população também não apreciava MMG. E não vamos agora dizer "pois votem neste ou naquele partido e vão ver daqui a uns meses como estaremos", que isso, obviamente, não é nem resposta, nem solução. Depois, o que aqui se fala, ou devia falar, independentemente do governo ter ou não ter tido influência é se de facto houve ou não, algum tipo de censura.

Anônimo disse...

Tens toda a razão, Kitty!!!
A resposta para o que aconteceu vem aqui, espreita q está mt bom o q a Isabel Stilwell escreveu:

http://www.destak.pt/artigos.php?art=39448

bj

Inês

Anônimo disse...

O Sócrates pode bem ter dado uma mãozinha, porque sabe que provavelmente seria atacado pela avestruz (diga-se, Manuela Moura Guedes) naquele jornalismo (ou deverei dizer revista?) de esquina.

A verdade é que, embora muito mau, aquele formato vendia.

Eu acho que sem o marido e sendo uma ameaça ao Sócrates, a senhora tinha os dias contados!

Bem feito, o que não falta aí são bons profissionais desempregados, e o ordenado dessa senhora será, espero eu, mais bem empregue...

Beijo

Lebasi disse...

Sim, mas também já pensaste que se calhar este foi o momento ideial para isto ocorrer uma vez que, exactamente como estás a dizer,as pessoas iriam achar que o PS ia estar a ser uma vítima disto tudo??Exactamente por ser a pior altura que isto poderia ter acontecido,é que não iriam cair suspeitas no Socras que tal como no freeport vai sair incólume disto tudo... (e com isto não estou a defender a manuela moura guedes, porque ela é mesmo péssima). Anyway...mas lá k isto é estranho é...

Anônimo disse...

O que era mau no Jornal de Sexta era o estilo da apresentadora, os comentários dos pivôs, o toquezinho pessoal no fim de cada peça...agora... não me venham dizer que o jornalismo que se fazia no Jornal de Sexta não é sério ou que é desinformação. As peças são feitas por profissionais que passam meses a investigar a mesma história e que depois revelam ao país aquilo que este precisa de saber para ter consciência de quem o governa. Vejamos o caso freeport...se não fosse a TVI como é que sabiamos!? Há que saber separar o trigo do joio, e neste caso há que saber separar a apresentadora das peças apresentadas...

Anônimo disse...

É a primeira vez que aqui comento, mas já algum tempo que leio este blog, do qual gosto muito.
Quero dizer que não aprecio o estilo de M.M.G. mas acho muito estranho este caso. Porque é que a empresa dona da TVI retira da programação um programa que é lider de audiências à sexta-feira? Não é objectivo máximo uma estação privada liderar as audiências? Lá que é esquisito, é.
Por outro lado, agora ninguém se responsabiliza pela retirada do programa. Em que ficamos?

Pedro

Catarina* disse...

Alguem ainda tem duvidas que houve pressão do zapatero? Quem vê tv sabe que a prisa é conotada com a PSOE. Agora vem os deputados do PS exigir explicações dizendo que o socrates esta a ser vitima de perseguição politica, que socrates nada tem a ver com o caso.

Deixem-me rir, eu faço e depois digo que não fui eu, porque os otarios dos nossos eleitores vao entender que isto só me poderia prejudicar...

O que está em causa trata-se de ingerencia de uma empresa estrangeira na comunicação social cá do burgo e pq essa decisão deveria ter partido do responsavel editorial e não da administração.
Não gostava da orientação editorial do jornal da mmg, era ataque cerrado demais mas desde q fosse fundamentado, acho muito bem!!

Facto é, quem falou das 5 disciplinas feitas em 2 dias na fac onde esse senhor andou? Quem falou em 1ª do caso freeport? Quem falou do esquecimento da entrega do IRS do senhor?? E por aí adiante... Foi a TVI. As outras estaçoes falaram mas foi por empurrao da TVI...

Depois de ver a Carolina Patrocinio como mandataria do PS dizer que prefere "fazer batota a perder", acho que sim. Escolheram a pessoa certa.

Vivemos no país que merecemos!!

Anônimo disse...

Parece que a Prisa nega que a decisão de censurar e sanear a MMG tenha partido de Espanha.Dizem que nunca interferem a esse nível.
Isto desmascara completamente o panasca corrupto.

As ratazanas andam loucas,sabem que o dinheiro dos contribuintes vai ficar mais longe.

Ingenheiro falso

Anônimo disse...

Essa táctica de se fazer auto-vitimar, talvez já não colha tanto como noutras alturas, agora, o pessoal já anda mais atento, já não vai tão facilmente em cantigas, de qualquer maneira, se essa pressão veio de Sócrates, é um verdadeiro tiro na cabeça, mas, também pode não ter vindo da parte dele mas sim de sectores do PS que estão fartos dele, seria uma forma "airosa" de carregar ainda mais o actual 1º Ministro com uma maior dose de repugnância que muita gente já sente em relação à sua personagem política.

Não sei se ele será assim tão pouco inteligente, mas, talvez o desespero de não voltar a ter os mesmos resultados de 2005, tenha alguma influência.

O que acho estranho, mesmo deveras estranho, é que tendo lido a notícia na TSF, Emídio Rangel diga esta frase que é um tanto ou quanto misteriosa: "«Vivem bem neste esquema de intriga, depois veio a provar-se que não havia nenhuma ligação ao PS e a Sócrates»"...

Esta notícia saiu às 9,12 de hoje no site da TSF, como é que este jornalista sabe que o PS ou Sócrates não tem nada a ver com essa suspensão???

Não ordenou ontem a Autoridade para a Comunicação Social um inquérito para saber da verdade deste caso???

Das duas uma, ou Rangel sabe quem ordenou a suspensão do noticiário, ou tem um pé dentro da TVI, para saber que o PS nada teve a ver com o caso.

Hummm!!!

São estranhas estas conclusões tão rápidas.
Mas, claro, continuo na minha, Sócrates é apenas um actor menor desta tramóia toda, os homens que mandam, os que puxam os cordelinhos disto tudo, continuam na sombra a prepararem-se para arranjar outro actor ou actriz, que aceite o papel de marioneta, será que quem aí vier, vai conseguir cortar os cordéis???

Sinceramente, já não sei se é do cu ou das calças, tudo isto me cheira mal e acho, que, se calhar, tal pivete, vem do cu e das calças ao mesmo tempo.

Cumprimentos.

LUSITANO

P.S. Peço desculpa pelo testamento

Anônimo disse...

Se a ordem veio de Espanha isto passa a ser uma questão de soberania, mas eu desconfio que veio de Benguela.

Camelo de Alcochete

Anônimo disse...

censura rosa:

livro do Rui Tadeu
música dos Xutos
jornal da Manuela

etc.ªªªªªªªªªªªªºº

Marucuntuzy disse...

Tenho a dizer que amei quando o Sr. Marinho Pinto enfrentou a menina Manuela.
Ok, ela pode ser grande jornalista e também não considero correcto "mandar calar" as opiniões que algumas pessoas não gostam mas acho que o jornalismo que ali se fazia não tinha muita qualidade.. Quer-se dizer... O objectivo do jornalismo não é a objectividade??
Mas pronto isto sou só eu...

P.S:Posso ser novinha e não saber muito de política mas também não me parece que o Sócrates fizesse uma coisa destas nesta fase do campeonato. O jornal já é feito há meses e só agora, nas vésperas das eleições, é que ele fazia algo assim?? Hum...

Anônimo disse...

Uma vez que o muito isento socialista camarada Rangel já desmentiu a sua nomeação para director de informação da TVI eu proponho a nomeação da jornalista Fernanda Câncio para desempenhar esse cargo.

Camelo de Alcochete

Anônimo disse...

companheiro(a) de cáfila

... mas os camelos somos nós.
Que fazer aos primos em Benguela e S. Bento?

camelo da ota

Anônimo disse...

Mas aí está uma boa questão!

Eu tinha pensado numa nova ponte aérea para o Tibete, tipo Benguela-Tibete, na Rayanair porque em tempo de crise não há muito dinheiro.
Já ouvi dizer que há lá um monge que vai dar um curso de culinária a arrancar já neste ano lectivo. Qualquer coisa à base da gastronomia local do Himalaia, com carnes secas e chá de manteiga. É sempre um estágio de alguns meses, novas oportunidades.

Camelo de Alcochete

Nuno Ribeiro Ferreira disse...

O jornalismo de MMG e daquela espécie de jornal de 6ª feira tem tanto de verdadeiro e honesto como uma nota de 15 euros... Concordo em absoluto. Nice o blog. :)

Anônimo disse...

Independentemente do mau jornalismo da MMG (ou talvez precisamente por causa dele), o Jornal de Sexta tinha excelentes audiências...
E outra verdade é que o Jornal de hoje prometia revelações sobre o Freeport...
Agora cada um que tire as suas próprias conclusões

R.L. disse...

Das duas uma: aquando da saída do Moniz, negociaram a saída da Moura Guedes e ela impôs a condição de sair em grande, tramando o Sócrates que ela odeia (lembrem-se que esta senhora já foi deputada do CDS-PP, e que, curiosamente, o ÚNICO partido que disse que isto foi obra do PS foi o CDS-PP pela boca do Portas), ou então quiseram mesmo acabar com o jornal dela e ela foi humilhada.
Independentemente do que tenha acontecido, há certamente mais mãozinhas a querer tramar o Governo e essas mãozinhas ou são à sua direita ou à sua esquerda. Como disse o antigo líder do PSD, Luís Felipe Menenes, e bem, "O Sócrates deve estar muito chateado com quem lhe preparou isto". Não poderia haver melhor/pior timming. Mas em vez de andar tudo a achar que regressámos à censura, pensem no erro que seria isto ter sido feito pelo PS, mal eles tentassem mexer cordelinhos para que isto acontecesse, isso explodia na imprensa. Mas não foi assim, isto aconteceu e há alguém a lucrar com isso no dia 27.

Catarina* disse...

Só tenho é pena de não saber ao certo qual a noticia, certo certo é que vinha mais um primo do nosso querido PM à baila.

Peça preparada sobre o outro primo do primeiro-ministro, José Paulo Bernardo Pinto de Sousa «O Gordo», algures em Benguela e a sua alegada relação com o caso Freeport, deve andar aos tiros nos tigres.

Este Socas é só primos e tios espertos, eta familia desenrascada na vida :)) o que vale é que o nosso PM não esta envolvido, só a restante familia... clap clap clap

Achei piada, essa do curso culinário, sim... novas oportunidades, é preciso !

Anônimo disse...

Esta manobra da PRISA só prejudica o PS e José Sócrates.
Estou preocupado!

Sócrates levou uma sova, derrota monumental do Paulo Portas.

O jornal "i" o "DN" dão a vitória ao Paulo Portas.

Se até a Catherine Deneuve derrota Sócrates , o que não vai acontecer com o Louçã e com a Manuela Ferreira Leite.

É que Portas não pôde falar do Freeport, da Cova da Beira, da Licenciatura, porque tem às costas o Portucale e o milhão de euros nas contas do CDS.

Foi um bem a PRISA do Zapatero ter apoiado o Sócrates e mandar o Jornal Nacional de Sexta-Feira fora.

Só que o excelente jornalismo da Manuela Moura Guedes ( considero-a agressiva nos comentários, mas existe fundamento e é aí que me agarro, o que me interessa é a noticia não o mensageiro ) já deixou as sementes e os frutos - 25% do PS, a pior derrota desde 1976!

É obra!

A Judide de Sousa lá tentou, mesmo no final da entrevista ao Sócrates falar de ele ser sexy?! Para o favorecer, mas quem pode achar sexy Sócrates, ah, o blogue Jugular, pois então.

Sexy para quem, para os gays?

No jornal "i" até a Paula Bobone diz que Sócrates não é sexy.

Ainda bem que a PRISA/Sócrates/PS afastou a Manuela Moura Guedes da TVI.

Só dá força aos que querem correr com o PS e Sócrates.

O Prof. ABC e o Dr. JMM estão-se nas tintas para a TVI.

Mas eles movimentam muita gente.

Dentro de dias quando entrar em Tribunal a acção de nulidade da licenciatura de José Sócrates , Portugal ficará a saber o Pinóquio que Sócrates é e as ilegalidades onde anda.

O Prof. ABC cilindrou o Sócrates no processo que este lhe moveu, o Dr. JMM cilindrou o Paulo Pedroso e até o obrigou a pagar uma indemnização ao ... Prof. Caldeira!

E a desistir do processo contra o Prof. Caldeira - embora este não quisesse - sem mais nada, depois de o Paulo Pedroso ter levado uma sova de cultura, de história, negra do PS, de maçonaria, depois do Prof. Caldeira ter acusado o Paulo Pedroso de ter querido destruir o processo Casa Pia através de uma lei igual à da África do Sul. Tudo pela pena e boca do Dr. JMM.

Coitado d "irmão" Sócrates, abandonado pela Maçonaria Internacional do Bilderberg e já acossado no PS.

E eu como até tenho titulo de Dr Prof, vou buscar um balde de pipocas, sentar-me no meu cadeirão e ver o desfecho desta pelicula italiana enquanto vejo o meu dinheiro a ser desperdiçado por estes gajos.

Bem haja a todos!

Anônimo disse...

Até agora ninguém conseguiu desmontar a investigação que a TVI apresentou sobre o caso Freeport. Por algum motivo o caso está a ser investigado, e fazendo fé na Justiça vamos aguardar (alguns anos) para se perceber se houve trafulhice ou não.

Sobre quem esteve por trás do afastamento de MMG e do fim do Jornal Nacional de Sexta e consequentemente da investigação ao caso Freeport... acho que daqui a uns meses vamos perceber. Este "favor" terá de ser pago de alguma forma, e se for o "favorecido" a vencer as eleições dentro em breve compreenderemos qual vai ser a paga, e o que a PRISA vai ganhar com isto.

Quanto ao Sócrates, é o PM mais demagogo, mais propagandista da história da democracia portuguesa, e que não é desconstruído pelo mau trabalho que fazem os jornalistas portugueses, que se deixam levar acomodados aos altos cargos que têm, incapazes de comprar uma guerra a bem do esclarecimento e da verdade.

Não basta ser competente, antes de mais é preciso ser sério. O Sócrates está mais preocupado em manter uma determinada imagem e em sair vitorioso da confrontação política, do que em dizer às pessoas aquilo que verdadeiramente se passa no país.

Penso eu de que, 633...

Anônimo disse...

É um absurdo ter o dedo do Socas ou/e PS, mas o facto de parecer um absurdo o PS ponhe ganhar com toda esta situação, como já se leu aqui neste blog e noutros "como dar um tiro na propria perna ou pé"... eh pá em situações extremas medidas extremas, há alturas em que tem que se jogar alto para se perder ou ganhar.

Eu já votei PSD troquei PS e neste momento nem sei em quem votar, todos a gozarem com a minha cara e com os 2500 euros que vou pagar de IRS, pa ver estes gajos a fazer merda atras de merda. Acho que me vou dedicar ao pó branco !

"Ele (muito sério) - Se eu fizer tudo como tu gostas, se eu me esmerar, votas Sócrates nas próximas eleições?"
Diz a esse gajo que sim que votas, pode ser que ganhes um apartamento novo, viagens, carro e dinheiro vivo na conta bancária.

André Rebelo Sousa

Anônimo disse...

Falam mal da informação da TVI e da MMG mas todos viam, essa é que é essa.

Anônimo disse...

"Só existem duas coisas infinitas: o universo e a estupidez humana."
Einstein

Esqueceu-se de acrescentar que ha gente que gosta da infinidade da cegueira!

Gira disse...

Concordo plenamente.
A teoria da coitadinha da MMG comigo não pega.
Até porque basta ler as declarações dela numa entrevista à revista do DN, para perceber a má indole profissional e pessoal da senhora. Além de se achar a maior do pedaço ainda vem criticar colegas (e esses sim com formação na área) de piscar o olho e rirem nas noticias. Diz que prefere Pulido Valente a Miguel Sousa Tavares (pudera o Miguel discutiu com ela em directo e não se calou!).
Além de já saber do que ía acontecer ;) pois refere que seriam muito estúpidos se a afastassem!!! Coincidências???

Tal como muitos do que aqui comentaram, também eu não acredito na teoria de que o PS tem algo a ver com isto pelo simples facto de que quem saíu a perder foi o próprio PS. Logo fica a pergunta: quem ganhava com isto????
Pois não é o socrates de certeza! ;)

Paes do Amaral (antigo manda chuva da TVI/Média Capital) já a tinha afastado e hoje veio dizer que com ele o Jornal de Sexta NUNCA teria existido.

E sim a senhora demitiu-se, não foi despedida. Nem ela nem os amigos da informação que por acaso são todos amigos do Moniz.

Alexandra disse...

Querida Kitty, os follow ups são o máximo. Confessa lá que pelo teu sitemeter identificas estes anónimos como a mesma pessoa.

Parece que existe alguma confusão por aí e no entendimento das pessoas.

A senhora e a equipa demitiram-se dos cargos de direcção e o Pulido Valente, bem esse deixou de ir como convidado (por iniciativa dele e para acompanhar a mulher Constança). Demitiram-se dos cargos mas o salário como jornalistas continuam a recebê-lo.