domingo, 1 de novembro de 2009

.

.

13 comentários:

continuando assim... disse...

e o filme é giríssimo!!! :)

SLB31 disse...

Eu concordo com ele... as mulheres é que mandam... mas de vez em quando convém discordar..

Gisele Spilder disse...

Concordo viiu, essas pessoas assim chegam ate á ser meio que cansativas.. Bom mesmo são que tem atitude ;)

Capitão Microondas disse...

Há muitos homens que não sabem que, quer as mulheres o admitam ou não, quer queiram quer não, quer saibam ou não, precisam de um homem que lhes "arme a puta" (como diz um amigo meu) de vez em quando. Os panhonhas e bananas, por melhor vontade que tenham, estão destinados a deixar morrer o interesse ou até levar uma chifrada, a não ser que se cruzem com uma panhonhas também, mas aí só se estraga uma casa.

siceramente disse...

é bom para os dias em que não queres confusões :P

Me disse...

lol

por isso é que somos nós as complicadas ;)

Sunrise disse...

Adoro homens queridos, mas que tenham personalidade. Que também mostrem aquilo que sentem e não escondam. Detesto homens que aparentemente esta tudo bem e quando vamos ver afinal estava tudo mal, nunca disseram nada e n ha soluçao à vista.

Cátia Vieira disse...

Adorei o blog!

Saskia disse...

Eu concordo completamente! Se for uma pessoa que nos diz que sim a tudo e que nos deixa escolher tudo, acaba por cansar :) Não deixando, contudo, de ser um óptimo amigo.

Um bom Domingo*

Gaja com G maiúsculo disse...

hummm eu sou assim, muito temperamental. Tanto me dá para explodir, como para passado um pouco, após ter dito o que tinha a dizer, está tudo na perfeição, torno-me num doce! E convinhamos, feitios assim não são nada, nada fáceis, há que saber lidar connosco. Mas aquelas pessoas que são uma pasmaceira, para quem está tudo bem, tiram-me do sério.
Queremos ver as pessoas vivas, a serem espontâneas, a reagir!

Beijinhos

Anônimo disse...

Ora agora venho aqui eu, infiltrada, só fazer um comentário ao post seguinte. Digo eu no meu perfeito direito que a ala pediátrica do IPO, meu local de trabalho, não quer lá dessas pessoas a fazer voluntariado, sim? Senão íamos ter chatice. E a enfermeira manda mais que a voluntária. E isso era mesmo chato. E desagradável. Ora ora... :D

Beijinho, Kitty.
Cátia Afonso

paula'maria disse...

lol
Eu acho que quem deve mandar é o homem! q.b, claro, mas é bom sentir-nos manipuladas! ;)

M disse...

ADORO ESTE TEU POST...

Identifico-me muito, muito, muito com o que escreveste...estava-me a sentir "anormalzinha"...

Encontrei alguém como eu :P